terça-feira, 24 de agosto de 2010

Apology

Suor pinga dos meus olhos, Gritos de Luxúria,
nós choramos.
Essa noite você é tudo para mim. Você é...
Tudo!
Você não é mais tudo para mim.
Enquanto acordo deste sonho perfeito
Eu vou escapar pelas paredes do Eden ... Será que eu não posso ficar
E viver esta mentira?

Eu vou partir e pensar somente em mim.
E de pensar que você não ficaria assustada ou surpresa
se
Eu cortasse todos estes laços.


Este é o final


Essa noite irei me perder em ódio.
Me ajude a esquecer você.
Uma última desculpa esfarrapada.


Me ajude a esquecer você

Eu me sinto tão besta de ver esse final amargo de belas ilusões...
Sera que tudo vai ficar igual?
Pedaços partidos não irão se remendar para salvar o nosso passado agora...vá
Eu me sinto tão besta de ver esse final amargo de belas ilusóes...
será que tudo vai ficar igual?
cacos partidos não irão remendar para salvar o nosos passado
agora... vá.


Essa noite irei me perder em ódio.
Me ajude a esquecer você
Uma última desculpa esfarrapada.
Me ajude a esquecer você


agora precisamos deixar passar... a urgência me
oprime, assim como eu preciso.
Contraio meu fluxo de lágrimas.
Me recuso a ser escravo da sua falsa beleza
novamente.


Eu perderei me em angústia para esta noite.
Essa noite irei me perder em ódio.


Me ajude a esquecer você
Uma última desculpa esfarrapada.
Me ajude a esquecer você

Nenhum comentário:

Postar um comentário