sábado, 27 de agosto de 2016


“Ora, a solidão, ainda vai ter de aprender muito para saber o que isso é. Sempre vivi só, também eu, mas a solidão não é viver só, a solidão é não sermos capazes de fazer companhia a alguém ou a alguma coisa que está dentro de nós. A solidão não é uma árvore no meio duma planície onde só ela esteja, é a distância entre a seiva profunda e a casca, entre a folha e a raiz, você está a tresvariar, tudo quanto menciona está ligado entre si, aí não há nenhuma solidão. Deixemos a árvore, olhe para dentro de si e veja a solidão. Como disse o outro, solitário é andar por entre a gente, pior do que isso, solitário é estar onde nem nós próprios estamos.”

sábado, 20 de agosto de 2016

E o tempo dono de todas as coisas,
ensina quão provisório é o pranto
e a gargalhada.
Por isso não recuso nada.
Que venha o que vier, como vier.
Eu suporto qualquer circunstância
que me lapide, que me desassossegue
para que eu valorize os momentos
de paz do meu coração.
Vida é totalidade. Inclui tudo.
Vida é vontade de Mundo.
Dor faz parte da vida e,
por mais preciosa que seja,
não permito que ela seja
a parte mais importante.

domingo, 14 de agosto de 2016

Gente sem palavra detesto.
Jesus dizia: “que o seu sim seja sim, e que o seu não seja não”. Se você assumiu uma responsabilidade, vá até o final. Mantenha sua palavra, porque ela é preciosa.
Cada vez que sua palavra é honrada por seus gestos, ela se torna mais forte. Quando você dignifica sua relação com os outros, dignifica também sua relação com você.
Os que prometem – e não cumprem – vivem criando problemas para si mesmos. Perdem o respeito próprio, têm vergonha de seus atos. A vida destas pessoas consiste em fugir; elas gastam muito mais energia desonrando a palavra, que os honestos gastam para manter seus compromissos.
Se você assumiu uma responsabilidade boba, que resultará em prejuízo de entusiasmo, tempo e dinheiro, não torne a repetir esta atitude. Mas, desta vez, honre sua palavra.

domingo, 7 de agosto de 2016

Cada um escolhe o que quer pra sua vida. Cada um traça seu próprio caminho. Se nao está feliz com seu caminho, mude. Mas não vá jogar fel na vida alheia. Além do mais, sorria, meu bem. Ninguém é feito de madeira!
Se há de se levar a vida, que seja com (bom) humor.